sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Vou lhe contar

FORMAÇÃO

Formação de mediadores culturais discute a contação de história como método de ensino
por Dariana Nogueira

O primeiro dia de formação dos mediadores culturais do Bairro-Escola será sempre lembrado com alegria pelos estagiários. Além de marcar a boa fase pela qual o projeto está passando, todos se divertiram muito com a dinâmica proposta pelos coordenadores.

Com o objetivo de capacitar os jovens estagiários para o trabalho nas escolas, o evento contou com a presença do secretário de cultura de Nova Iguaçu Marcus Faustini e a coordenadora de formação cultural Sandra Mônica.

Após o almoço, no segundo momento do evento, Faustini apresentou o grupo de contação de histórias ‘Te conto umas’, que promoveu uma divertida oficina para os jovens aprendizes. Além contar histórias de forma dinâmica e criativa, a dupla de contadores interagiu com a plateia e suscitou um importante debate sobre a importância da contação de histórias na educação escolar.

Os estagiários puderam compartilhar suas dúvidas, ideias e reflexões sobre o tema num clima descontraído e envolvente. No final, Faustini propôs a leitura e discussão das atividades do primeiro dia do evento. Ele ainda pediu para os estagiários se dividirem em grupo e sintetizarem suas impressões sobre as atividades ocorridas, valendo críticas ou sugestões.

Interatividade:
Quem é o melhor contador de histórias que você conhece? O que faz dessa pessoa uma grande contadora de causos?

Nenhum comentário:

Postar um comentário