quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Um ano de Pó

AUDIOVISUAL

Grupo poético comemora um ano na última sessão do Buraco do Getúlio
por Jefferson Loyola

Já ouviu falar em grupos de poetas? Não se trata de um “mito”. Grupos de poetas existem e você pode encontrá-los aqui mesmo, em Nova Iguaçu. Com a proposta de tirar os poetas do armário e mostrar seus talentos para o mundo, o grupo Pó de Poesia vem mostrando seus trabalhos em praças, espaços culturais, escolas e até mesmo em bares espalhados pela cidade. Um grupo que surgiu em uma conversa entre amigos em um bar no dia 22 de julho de 2008 e comemorou um ano de árduos trabalhos, atraindo diversas pessoas para o fazer poético.

A professora de literatura Ivone Landim, 46 anos, é a grande idealizadora deste grupo. Vendo que havia muitas pessoas talentosas, mas que por timidez guardavam suas poesias dentro da gaveta, Ivone resolveu criar um grupo com a a finalidade de incentivá-las a mostrar o seu talento. “Se eu sou professora de literatura e incentivo meus alunos a não só entender a literatura, mas também a produzir, por que não criar um grupo novo para poder estar acolhendo esses novos poetas?”, questionou ela.

O nome do grupo suscitou vários debates até se chegar à proposta do músico iguaçuano Edu Carval, inspirada em um blues de Dida Nascimento. “Costumo dizer que Edu Carval é o grande padrinho do grupo, pois com a ideia dele, conseguimos escolher um nome”, diz Ivone Landim. “Quando se fala em pó, pensamos logo em poeira. E a ideia é realmente essa, a poeira que o tempo leva e trás, que significa o ir e vir da poesia de acordo com o tempo”.

Sem saber o que significava a palavra poeta, Ivone se interessou por poesia aos 16 anos, após uma professora de geografia elaborar um trabalho na turma, em que cada um tinha que escrever um texto. Lendo o texto de Ivone, a professora disse que ela iria ser uma grande poeta. “O que achei engraçado foi o fato de que ela me disse a coisa certa, sendo uma professora de geografia”, brincou.

O grupo está aberto para novos integrantes. Para participar deste grupo, basta gostar e querer criar poesias. “O grupo serve para divulgar a poesia e popularizar a imagem dos poetas como pessoas comuns, já que para muitos nós somos como mitos”, finaliza Ivone, feliz pelo aniversário de um ano do grupo.

Interatividade:
Mande uma poesia pra nós.

Um comentário:

  1. Como poeta integrante do Pó de Poesia gostaria de postar aqui o endereço do blog do grupo que é

    http://po-de-poesia.blogspot.com

    Obrigado pela excelente matéria.

    Marcio Rufino

    ResponderExcluir