quinta-feira, 20 de novembro de 2008

O sonho de uma vida a gente não esquece

Na vida, enfrentamos vários obstáculos, que por muitas vezes acabam por nos afastar de nossos sonhos e objetivos futuros
por Desiree Raian

Na vida de Maria Andréa Maia, de 39 anos, não foi muito diferente. Andréa tinha um sonho: formar-se em história e ser professora. Esse sonho teve de ser adiado quando casou com Leonardo Teixeira e sua filha Desiree Raian. É que os três foram morar na Itália, onde ela trabalhou como camareira durante cerca de quatro anos.

A família voltou para o Brasil em 1996. Andréa e o marido decidiram abrir um bar, que durante três impediu que ela fizesse o sonhado curso de história. Quando o bar faliu, ela fez um curso profissionalizante de esteticista e durante um ano trabalhou em um consultório de estética. Ela também fez um curso de vigilante na Forbin. Exerceu essa profissão por um pouco mais de um ano.

Hoje, divorciada há quase cinco anos, Andréa trabalha há quase seis anos como embaladeira em uma fábrica. E apesar de tudo o que passou, o sonho de um dia tornar-se professora não morreu. "O sonho de uma vida agente não esquece."

Nenhum comentário:

Postar um comentário