terça-feira, 5 de maio de 2009

Uma festa para ficar na memória

Profissionalismo da produção deixa a Baixada encantada
por Luiza Alves e Suellen da Encarnação / fotos de Mariane Dias

Cerca de 30 mil pessoas se espremeram no campus da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, nas imediações do Aeroclube, para comemorar em grande estilo o dia do trabalhador. Uma das primeiras pessoas mais animada era a empregada doméstica Lúcia Helena da Silva, uma moradora da Posse de 52 anos. “Eu e minha filha queríamos ver o show de perto”, contou ela, que não se arrependeu de chegar às quatro da tarde. “Adoramos.”

A divulgação foi o fator determinante para o sucesso do evento, uma parceria entre a Rede Globo de Televisão, a Rádio Beat 98, a Central Única de Favelas (CUFA) e a Prefeitura Municipal de Nova Iguaçu. A organização do evento chamou atenção até mesmo de profissionais. “Já fiz curso de organização de eventos, e esse evento foi muito bem divulgado e organizado”, conta o treinador de futebol infantil Sérgio Monteiro de Oliveira, um morador do bairro Vila Nova que foi comemorar seu aniversário de 43 anos no meio da multidão.

A diversidade dos artistas escolhidos, que foram da música eletrônica da ex-BBB Josy ao funk do DJ Malboro, passando pela música engajada de MV Bill, pelo forró de Elba Ramalho e pelo pagode do Pixote, atraiu pessoas de todas as idades. “Eu amo o Pixote”, conta a estudante Eliza de Souza, 14 anos, moradora da Califórnia. “Eles são lindos.”
O público jovem também estava interessado no grande baile funk com que o DJ Marlboro encerrou a festa do trabalhador. “O DJ Marlboro agitou todo mundo mesmo depois da chuva”, diz o estudante Lucas de Souza, um morador do Centro de 17 anos.


Toda família
O público mais velho estava mais interessado em dançar forró, embalado pela energia contagiante da paraibana Elba Ramalho e pelo grupo Pimenta do Reino, uma das duas atrações de Nova Iguaçu. “Amei o show de Elba Ramalho”, lembra a secretária Maria Aparecida dos Santos, 37 anos, moradora de Jardim Jasmim. “Vê-la de perto foi lindo.” Quem empolgou a empregada doméstica Vera do Carmo, moradora de Valverde, foi o Pimenta do Reino. “Trouxe toda a família para ver o grupo.”

A população da Baixada Fluminense se surpreendeu com a sofisticação da produção. “As luzes, o palco, o telão e aquela explosão de serpentinas foi lindo”, afirma a auxiliar de limpeza Nicole Aguiar de Melo, 32 anos, moradora de Aliança. “O show foi mágico, está gravado na minha memória.”

A técnica de enfermagem Maria dos Santos Perdigón, 56 anos, moradora de Comendador Soares, acredita que a festa vai ficar marcada na vida de toda a população de Nova Iguaçu. “Adoro esse tipo de evento”, afirma ela. “É bom pra aliviar o estresse do trabalho, é uma oportunidade pra se divertir.”

Um comentário:

  1. Legal ver a opinião de várias pessoas. Pela diversidade das atrações , todos devem ter saido satisfeitos do show. E pelas fotos percebe-se a qualidade que ele teve.

    ResponderExcluir