segunda-feira, 4 de maio de 2009

Apoteose no Aeroclube

Show do dia do Trabalho reúne 30 mil pessoas no Aeroclube
por Lucas Lima / foto de Mariane Dias
Os trabalhadores de Nova Iguaçu receberam uma homenagem nesse dia primeiro de maio: um mega-show no Aeroclube, no centro da cidade. O evento foi organizado pela Globo Rio em uma parceria com a Prefeitura Municipal, a Central Única das Favelas (Cufa) e a Rádio Beat 98. A noite foi aberta pela ex-Big Brother Josy, que agitou a multidão cantando grandes sucessos internacionais da atualidade. Depois do show, ela deu uma rápida entrevista a Serginho Groisman, apresentador do evento ao lado da Rapper Nega Gizza.

Tino Junior, locutor da Rádio Beat 98, também esteve presente, fazendo uma super-entrega de camisas para o público. A segunda atração da noite foi um grupo da Escola Livre de Musica Eletrônica, que tocou o hino do município em ritmo de maracatu e hip-hop. O hino foi cantado por Anderson Barnabé, coordenador da escola, e Nike, vocalista da banda Bloco 18. Em seguida, os músicos fizeram uma homenagem aos nordestinos da cidade, cantando algumas canções da região.

O terceiro show, e um dos mais esperados, foi do grupo Pixote. Durante toda a apresentação, mulheres de todas as idades cantaram os numerosos sucessos dos pagodeiros paulistas. Muitas dessas mulheres tinham faixas rosas com o nome do grupo na cabeça. Era visível a ligação entre o vocalista Dodô e o público, que, além de fazer um coro de quase 30 mil vozes, reproduziam as coreografias de cada música. Às 20h, o grupo de pagode deixou o palco arrancando gritos sem fim e produzindo um enorme alvoroço entre as jovens presentes.

Mais três mega-shows
Os apresentadores Serginho e Gizza chamaram ao palco o “representante jovem trabalhador de Nova Iguaçu”: o ator Mussunzinho, que foi também entrevistado. Quando os três saíram dopalco, o prefeito Lindberg Farias assumiu o microfone e prometeu mais três grandes eventos em Nova Iguaçu, que também serão realizados em parceria com a Rede Globo: uma grande festa junina, o reveillon na Baixada e uma nova festa do dia do trabalhador em 2010. Foi o prefeito quem anunciou o rapper MV Bill.
O rapper, fundador da Cufa, cantou grandes sucessos e fez um grande discurso social no fim de sua apresentação. Enquanto cantava a música “Estilo Vagabundo” com sua irmã, a também rapper Camila, o microfone do cantor parou de funcionar. A plateia o aplaudiu quando percebeu o problema técnico. Depois do pagode e do rap, foi a vez de o forró tomar conta do Aeroclube, primeiro com a cantora paraibana Elba Ramalho e depois com o grupo de forró iguaçuano Pimenta do Reino. O DJ Marlboro encerrou a noite, agitando o publico com o funk carioca.

Um comentário:

  1. Excelente reportagem! Pelo visto, eu perdi um mega show!
    Sniff ;/

    ResponderExcluir