quinta-feira, 24 de julho de 2008

Pintando o sete

Espaço das 7 artes leva moda para o Sylvio Monteiro


Texto e fotos de Daniel Santos


O Espaço 7 Artes é um aglomerado cultural que abriga diversas agências e companhias artísticas no Centro de Nova Iguaçu. Sua sede fica na Av. Amaral Peixoto n 518. Este mês, os artistas saíram do Espaço 7 Artes para se apresentar no palco do Espaço Cultural Sylvio Monteiro.

As modelos da Agência Conexão Modelo foram um dos destaques da noite, arrancando aplausos e suspiros da platéia. As meninas esbanjaram charme e beleza na passarela. Diante de grande público, as modelos mostraram porque são consideradas top na área da moda. Nem o nervosismo comprometeu o desempenho delas na passarela, competências essenciais para quem quer seguir carreira na profissão de modelo.

O grupo de dança The Street Cats, também agenciadas pelo projeto Conexão Modelo, inflamou a casa de cultura na hora da apresentação. Formado por belas meninas, o grupo fez uma adaptação do grupo estrangeiro 'PussyCat Dolls'. Ao som da música 'Buttons', as meninas não deixaram nada a desejar às verdadeiras dançarinas do PussyCat. Alguns até acharam que as dançarinas do The Street Cats foram mais sensuais e talentosas que as do grupo estrangeiro. "Muito boa a sensação de subir no palco. Quando vimos o calor do publico, então. Muito bom, diz Ingrid Chapper, uma das dançarinas.

Dançarinas unidas

Além de dançarem juntas, as meninas do The Street Cats são boas amigas. Prova disso foi a falta que uma das dançarinas do grupo fazia na noite de apresentação. "A noite poderia ter sido melhor, mas infelizmente uma das nossas amigas, que também é dançarina, não pôde comparecer. Fora isso, foi maravilhoso", revela Daniele Sousa. Jéssica Santos, uma das dançarinas mais quietinhas, estava muito contente pelo show e por ser agenciada pela Conexão Modelo. "A sensação do show foi ótima. E o bom de tudo é que agora somos agenciadas e contamos com um espaço para ensaios e trabalhos do grupo."

Edilson Sampaio, diretor executivo da Agência Conexão Modelo, estava bastante orgulhoso com o desempenho dos grupos. A proposta social e cultural da agência é ajudar crianças, jovens, adultos e idosos a entrar no mundo da moda, interferindo e expandindo a cultura e a educação dessas pessoas. Os integrantes da agência aprendem técnicas de passarela, postura, alimentação, higiene, etiqueta pessoal e cidadania.

Mesmo sendo um projeto particular, os jovens devem se dedicar aos estudos e obter boas notas para participar dos eventos e oportunidades da agência. O projeto tem convênio com a revista Click Models e disponibiliza seus cursos com preços acessíveis.

"O Conexão Modelo quer dar um direcionamento profissional e tornar a moda acessível a todas as pessoas, principalmente ao povo iguaçuano", diz Edilson. "Nova Iguaçu tem indústria e mercado de vestuário."


Talento da Baixada

O pessoal da Cia. Faces de Teatro também fez um ótimo trabalho nesta noite. Gilberto Luiz, o diretor da companhia, tem total confiança no potencial da Baixada. "Acredito no talento de Nova Iguaçu e da Baixada. Infelizmente, somos descriminados. Mas estamos provando que temos talento e somos capazes." Para Gilberto Luiz, o Espaço das 7 Artes tem tudo para se tornar um pólo artístico na região. "Na verdade, já mostramos que na Baixada tem talento. Agora temos que importar olhares para os artistas que mostram sua arte por aqui ao invés de exportar artistas para fazer sucesso fora da região", provoca o artista. Gilberto Luiz está fazendo trabalhos com material reciclável, além de gravar um curta com artistas da Baixada Fluminense.

A palhaça Joice Mendes, 19 anos, deu um brilho todo especial à noite. Ela sempre recebeu apoio da mãe para fazer curso de teatro e modelo, mas não lhe dava ouvidos. "Nunca gostei de ver novela nem de freqüentar teatro", diz ela. Só que há três anos uma apresentação teatral na igreja que freqüenta despertou nela o desejo de experimentar o palco. Foi amor à primeira vista.

O teatro acabou mudando sua visão a respeito das artes e despertou o seu talento, até então adormecido. Hoje, ela é professora e atriz na Cia Faces de Teatro e no Espaço 7 Artes. "A sensação quando faço show é inexplicável. Não penso em sair dessa área. Nada vai me fazer sair. Só Deus pode me fazer mudar de idéia e, mesmo assim, ele terá que fazer um grande esforço para que isso aconteça", explica a atriz.

Um comentário:

  1. oi, adorei a entrevista, o site tá muito legal parabéns, continue assim. As meninas das TSC são lindas mesmo, espero ter mais notícias delas e saber + sobre o show futuros...

    ResponderExcluir