segunda-feira, 30 de junho de 2008

Pão duro

Consumidor procura alternativas para substituir o pão no café da manhã

Por Tatiana Sant'ana

Com a volta da inflação, o pão está se tornando escasso na mesa do iguaçuano. O consumidor está tendo que procurar alternativas para substituir o principal alimento do café da manhã. Para compensar a diminuição do tamanho e a redução na quantidade, o jeito é aderir outros ingredientes para incrementar o seu desjejum.

Embora o preço do pão tenha subido, as padarias ainda não registraram queda no faturamento. "O período da manhã e da tarde são os mais utilizados pela população, por causa do café da manhã e da tarde", revela Rossana Rosa, 42 anos, dona de uma padaria. Há um mês no comando do seu negócio, Rossana Rosa conta que algumas pessoas reclamam, pois antigamente eram 10 pães por R$ 1 e atualmente são sete pães pelo mesmo preço. Também diz que o período de maior movimentação é nos finais de semana. As pessoas alternam entre o pão doce e o salgado joelho. "Mas nada se compara a um pãozinho quentinho no café da manhã", ressalta.

Há também aqueles que não gostam nem do novo preço nem da diminuição da quantidade. "Mal dá para tomar um café da manhã", reclama Ivo da Fonseca, que come quatro pãezinhos na primeira refeição do dia e praticamente não tem mais o que comer à noite. "Tenho que comprar pão todo dia e nisso vão R$ 5 por semana", lamenta. Os custos aumentam no fim de semana, quando recebe a visita da família.

Rosilene da Silva não é tão fiel quanto Ivo da Fonseca e deixou de comprar pão diariamente. "Apenas umas três vezes por semana", conta ela. "Eu intero com biscoito e mais algumas coisinhas." Ela também dá um conselho para aqueles que desejam economizar: "Aipim e cuscuz também são alternativas acessíveis para o bolso do consumidor."

A artesã Diva de Jesus, 61 anos, procurou alternativas para aliviar o bolso. "O pãozinho com manteiga faz falta na mesa, mas é substituível", revela. O meio encontrado para economizar foi substituir o pão pelos biscoitos e aderir ao pão caseiro. E esta receita não sai tão cara. Diva conta que está satisfeita com a economia de R$ 10 por semana. "Antes eu gastava R$ 2 por dia com pães para o café da manhã e da tarde. Quando comecei a fazer o pão caseiro, tudo ficou mais fácil e mais barato", diz. O pão caseiro tem a vantagem adicional de render dois dias. "É uma forma de economizar e inovar na culinária", conta.

Receita do pão caseiro:

500 gramas de trigo;
1 ovo; 100 ml de óleo;
1 colher de sopa rasa de fermento;
Meia xícara de açúcar;
1 copo de 200 ml de água morna;

Modo de fazer:
Mexer todos os ingredientes num recipiente, até soltar do fundo do vasilhame e das mãos. Deixar a massa descansar por alguns minutos e modelar a gosto. Não untar a forma Levar no forno na temperatura média por 10 ou 20 minutos. Se quiser, pode rechear a massa a gosto. E aproveite!

2 comentários:

  1. muito simples e fácil de faser parabéns;

    ResponderExcluir
  2. Quem é esta senhora que se apresentana foto como maria eunice? será que eunice de sant'na alves ,casada com o falecido josé augusto alves e mãe da lorena de sant'ana alves?
    Se for esta pessoa, por favor diga que é a filha lorena que a procura há mais de vinte anos!Estou em Portugal meu celular é 00351916755375. E-mail ramos6644@hotmail.com Se a caso não for a pessoa que procuro,peço as minha desculpas!

    ResponderExcluir