terça-feira, 3 de junho de 2008

Edital abençoado

Padre Agostinho abençoa projetos culturais da prefeitura

Por: Daniel Santos e Avrill Nobre

Imagens: Daniel Santos


O Padre Agostinho Pretto abriu as portas da igreja São José Operário, que fica no bairro Califórnia, para receber dezenas de pessoas. Entre os presentes, estavam jovens e adultos de escolas municipais, como a escola Venina Corrêa Torres. Eles foram participar da discussão sobre a abertura de dois editais que selecionarão projetos culturais para Nova Iguaçu. A reunião foi comandada por membros da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo.


O Secretário de Cultura e Turismo, o cineasta Marcus Vinicius Faustini, e seus secretários adjuntos, Écio Salles e Sandra Mônica, foram divulgar o lançamento dos seguintes editais: o Fundo Municipal de Cultura Escritor Antônio Fraga e o Escola Viva/Bairro Escola, carinhosamente chamado de Pontinhos de Cultura.

- Esses projetos resgatam tudo aquilo que foi perdido: melhor convivência entre moradores, resgata o amor, a família. Mas se o artista o produz, deve ser incentivado - conta o professor de Língua Portuguesa Evandro Costa, que possui projeto, mas só pode participar como voluntário sem fim lucrativo por ser servidor público.


O Fundo Municipal de Cultura Escritor Antônio Fraga tem por finalidade promover o desenvolvimento de produções culturais e artísticas nas áreas audiovisuais, artes visuais, circo, dança, internet, literatura, moda, música e teatro. Os projetos selecionados contam com um incentivo de até 10 mil reais.

Já o edital dos Pontinhos de Cultura é direcionado para iniciativas que ofereçam atividades extracurriculares para os alunos do segundo segmento (6º ao 9º ano) das escolas municipais. Neste edital, cada proponente poderá contar com até 33 mil reais, por projeto, durante um ano. Cada instituição poderá ter até três projetos selecionados.

- Além de investir na vida das crianças, o edital vai oferecer oportunidade pra quem cria projetos. Vou ajudar a divulgar! Acredito na idéia - diz a Secretária Vânia Monteiro, moradora da Posse.


Podem inscrever projetos pessoas físicas da área cultural, grupos formais e informais, residentes ou sediados em Nova Iguaçu. Também podem pleitear o convênio organizações e instituições sem fins lucrativos. Instituições com fins lucrativos podem participar do edital dos pontinhos de cultura, mas não o do fundo.


Dúvidas podem ser tiradas na Secretaria Municipal de Cultura e Turismo. Tel. (21) 2667-6208

Nenhum comentário:

Postar um comentário