sexta-feira, 24 de abril de 2009

Dançar para não dançar

por Robson Lopes
foto Larissa Leotério

"Eu vi que é um projeto que tem tudo a ver comigo”, diz o estudante de história Vagner Vieira, o mais novo oficineiro do Bairro-Escola. Com 26 anos, o morador do bairro da Posse vai atuar na Escola Herbert Moses, que fica no Cobrex..

Vagner admite já ter participado de experiências semelhantes, mas este ano é especial. “Espero também quebrar rótulos que algumas pessoas guardam do projeto. As pessoas são muito preconceituosas.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário